O Payador

Eu poderia dizer que a payada (na Argentina e no Uruguai), que a paya (no Chile) e a pajada (no sul do Brasil) nada mais é que a denominação dada a estrofe de dez linhas – versos - cantada de improviso por seu repentista e que este responde por payador – onde quer que seja – dentro dessas federações!

 

Simples, muito simples; com meia dúzia de palavras, lidas em meia dúzia de sítios e n’algum dicionário sintetizei na teoria esta quase extinta expressão folclórica do nosso povo!

Mas as palavras são apenas conceitos que se fazem entender por tantos, mas não por mim, não por nós que criamos este projeto “payador”, não com o intuito de anularmos o indelével e perseguido Athaualpa, tampouco se comparar ao incomparável Jayme Caetano, mas sim fazer com que cada décima que humildemente compomos seja a marca de uma grande reverência.

Pois se não fosse por estes – e outros tantos que se fizeram payadores pelos caminhos e galpões da pampa continentina - e pela semente plantada por eles no passado, não estaríamos nos valendo da internet nos dias de hoje para disseminarmos seus legados sobre este solo fértil chamado futuro!

 

Evoco as palavras do mestre Júlio Fontella e defino:


- Payador é o peão de campo que sente necessidade de relatar seus feitos, chorar suas penas, louvar amores; é o repentista tentando fazer com que os olhos do povo percebam o que de fato acontece a sua volta; tem muito de bruxo (ser imaginável), bem como de alma; é todo aquele que abraçado a uma guitarra louva a terra em que nasceu, a terra pela qual foi acolhido, em fim, sua querência e suas bem querenças!

 

Bueno...

Talvez que alguma cartilha defina a payada como algo de estruturas pré definidas e de sílabas pré numeradas, mas com certeza não há livro que te faça seu cantor, e por certo não foi lendo esse tipo de material que os grandes se fizeram mestres!

 

Liberte-se dos pré conceitos,

Payada é momento, luz e pureza...

São as coisas simples que temos no peito

Fugindo a garganta com rara destreza!

 

Rafael Machado

Março / 2012

Vila 13 / RS


PAYADAS

Carnaval - Releitura

Fora de Época

A Educação Brasileira

À Mulher


Apoiadores


© 2017   Criado por radiosulnet.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço